terça-feira, 16 de agosto de 2011

Avaliação do governo federal despenca e faz aumentar a percepção de insegurança

Mostramos em posts anteriores, utilizando os dados da pesquisa de opinião CNT/Sensus, como a percepção de segurança pública frequentemente acompanha não as tendências criminais do local, mas reflete antes um julgamento geral das pessoas sobre o governo. É o que os cientistas políticos chamam de fell good sensation.
Assim, no final do governo Lula e início do governo Dilma, a avaliação do governo era elevada e fez com que a percepção de insegurança chegasse nos mais baixos patamares históricos. Passados os seis meses iniciais do governo acaba a fase de encantamento e tradicionalmente cai a avaliação do governo. Mas a pesquisa CNT/Sensus publicada em agosto sugere que houve uma forte reversão de expectativas na avaliação do governo Dilma, que despenca de 83.4 para 40.1.
O ponto positivo é que esta queda abrupta serve para ilustrar bem a conexão entre avaliação do governo e percepção de segurança: a porcentagem dos que avaliam que a segurança ficou igual ou piorou no país nos últimos 6 meses vai de 59,6% em dezembro de 2010 para 75,6% agora em agosto de 2011. Ou seja, como dissemos, elas tendem a se inverter.




A pesquisa tráz outras evidências de que a avaliação da segurança piorou no país: quando a sensação de insegurança sobe, aumenta também o apoio a medidas mais rígidas contra os criminosos, como o apoio a pena de morte, prisões mais duras e redução da idade penal. Os dados mostram, neste sentido, que 86% da população apoia a redução da idade penal agora em agosto de 2011 , em contraste com 81,5% de apoio em 2007. Por outro lado, a nota dada ao governo federal por sua atuação na segurança cai de 4,9 em janeiro de 2010 (escala de 0 a 10) para 4,5 em agosto.

Novamente, estas não são evidências de que a atuação do governo na segurança tenha realmente piorado ou que a criminalidade tenha de fato aumentado – embora a criminalidade patrimonial tenha crescido em diversos estados, com exceção do RJ. São evidências de que algo não vai como esperado no governo Dilma e isto se reflete na piora da avaliação em todos os setores.

Arquivo do blog

Follow by Email

Seguidores